top of page

Por que Funko Pop é tão caro?

Assim como muitos outros colecionáveis, os Funko Pops possuem particularidades específicas quanto aos seus valores. Muitas pessoas se perguntam por que esses pequenos cabeçudos são tão caros no Brasil. Neste artigo, vamos explorar alguns dos motivos por trás dos preços dos Funko Pops e entender por que algumas peças são tão valiosas.


Popularidade

A popularidade é uma das principais razões pelas quais os Funko Pops são tão caros. Quanto mais popular um personagem ou franquia, maior a demanda por seus colecionáveis. Isso pode levar a preços inflacionados, especialmente, para personagens que são queridinhos pelo público.



Podemos exemplificar com um caso recente, o Funko Pop do Eddie de Stranger Things. Quando houve o lançamento, ele esgotou rapidamente lá nos EUA pela sua popularidade, e mal deu tempo de chegar em grande quantidade por aqui. As poucas unidades que restaram no mercado tinham um preço elevado. Hoje em dia, o hype baixou e é fácil achar um original no precinho, inclusive, está disponível na Geral Geek.


Raridade

A raridade é outro fator que pode afetar os preços dos Funko Pops. Muitas vezes, a empresa produz quantidades limitadas de personagens específicos, o que significa que alguns colecionáveis podem ser mais difíceis de encontrar do que outros. Como resultado, os Funko Pops raros tendem a ser mais caros, principalmente se estiverem na caixa original e em condições impecáveis.


Relacionado a isso, estão os Funko Pops vaulted, peças que foram descontinuadas e não são mais fabricadas pela empresa. Ou seja, em sua maioria, possuem preços bem elevados devido a raridade e escassez no mercado.

Aqui, temos vários exemplos, como os primeiros Pops do Michael Jackson, o Gus Fring de Breaking Bad e o Gênio de Aladdin em sua versão mais antiga.


Processo de Importação

O processo de importação no Brasil é conhecido por sua complexidade e burocracia. Para trazer um produto do exterior para o Brasil, em alguns casos, o importador precisa passar por diversas etapas, como a obtenção de licenças, autorizações e certificações. Isso pode levar tempo e aumentar os custos do produto.


Além disso, as taxas de importação no Brasil são muito altas. Os produtos importados são taxados com impostos que podem chegar a 60% do valor da mercadoria, tornando os Funko Pops muito mais caros aqui do que em outros países. Há também uma taxa adicional de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), que varia de estado para estado.



E ainda, temos o câmbio. Como os produtos são importados, o preço final pode ser afetado pela flutuação do câmbio. A alta do dólar influencia diretamente os valores dos Funko Pops, seja para a importação vinda dos Estados Unidos ou do Paraguai, por exemplo.


Se você é um colecionador de Funko Pop no Brasil, é importante conhecer esses fatores para que você possa fazer boas escolhas sobre suas compras e saber no que está investindo. E se estiver procurando por uma plataforma confiável para comprar seus colecionáveis e outros produtos Geek, confira a Geral Geek! Visite nosso site ou app e encontre o que você procura para completar sua coleção.

595 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page